Fernanda Cruz – Repórter da Agência Brasil

A criação do Centro Internacional de Tecnologia e Inovação (CITI) na cidade de São Paulo vai fomentar o desenvolvimento de novo corredor tecnológico, disse hoje (27) o ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab. Ele participou nesta manhã da abertura de seminário promovido pela prefeitura para debater o assunto.

O corredor de tecnologia será desenvolvido na zona oeste, entre o CITI e a Universidade de São Paulo (USP). No endereço onde o centro será instalado funciona atualmente a Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), na Vila Leopoldina.

Segundo o prefeito João Doria, no dia 12 do próximo mês será divulgado o endereço para onde a Ceagesp será transferida. A área será seis vezes maior, terá melhor logística e tecnologia. Outra novidade será a introdução da comercialização de proteína animal, que atualmente tem pequena participação no entreposto comercial.

A Ceagesp é a maior central de abastecimento atacadista de frutas, legumes, verduras, flores, pescados e diversos da América Latina. O entreposto, atualmente, está sobrecarregado e enfrenta problemas como longas filas formadas pelos caminhões que o abastecem, além da falta de segurança.

Recursos

O CITI receberá financiamento em regime de parceria público-privado (PPP), com a participação de empresas de tecnologia e startups. No local, vão funcionar empreendimentos educacionais, de pesquisa científica e de inovação. “Até 2020 estaremos com todas as decisões formatadas e obras iniciadas. São Paulo, finalmente, terá o seu eixo tecnológico”, disse o prefeito.

O novo parque de tecnologia vai contar com investimentos das três esferas do poder público, além de recursos da iniciativa privada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*