Correio da Bahia

Acidente aconteceu na área de voos internacionais

Dois funcionários de uma empresa terceirizada que presta serviços no Aeroporto Internacional de Salvador ficaram feridos após parte da cobertura de proteção do scanner de bagagens desabar por volta das 21h20, desta terça-feira (6), na área do embarque internacional.

A Concessionária do Aeroporto de Salvador S.A. informou, em nota, que nenhum passageiro foi atingido e os dois funcionários terceirizados que sofreram escoriaçoes leves foram imediatamente atendidos pela equipe de emergência do terminal.

“A Concessionária, que assumiu as operações do Aeroporto no último dia 2 de janeiro, está empreendendo seus maiores esforços para recuperar a infraestrutura existente, com total prioridade à segurança operacional e ao conforto dos passageiros. O local foi isolado e os reparos já estão em andamento”, destacou a empresa francesa Vinci Airports.

O desabamento – que aconteceu em uma área de aproximadamente 10 metros quadrados – não ocasionou impacto na chegada e saída de voos nacionais ou internacionais.

Goteira
Há um mês, o CORREIO mostrou a situação do terminal: baldes eram usados para conter a goteira do teto, além de ter flagrado escada e galões de tinta numa obra de pintura do teto.

O aeroporto já recebeu a terceira pior nota na pesquisa que mede a satisfação geral do passageiro. Os dados referentes ao 4º trimestre de 2017 foram divulgados no dia 30 de janeiro pelo Ministério dos Transportes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*